Marcadores

quarta-feira, 30 de novembro de 2016

SONHOS

Quem  pára de sonhar,obviamente permite fenecer a própria vida,sonhar implica em sentir um gosto,um cheiro,apreciar uma flor,conhecer um lugar...
O sonho é o mais prosaico  meio de transporte,que  faz veicular a tão distinta e perene jovialidade da alma...
É deprimente ouvirmos alguém dizer,que já está velho demais para ter sonhos,a impressão que se passa,é a ausência de agradecimento pela existência,pela história grafada dia após dia,hora após hora...
Então lembremo-nos,que as mais bonitas histórias podem ser escritas ao entardecer,quando o sol permite em que as cores se misturem,dando uma síntese intrigantemente fascinante á vida que pulsa nessa concentração...
Portanto viver,simplesmente significa sentir o  sonho em momentos,em instantes e também,em horas,meses e anos...
Mesmo porque,problemas que se apresentam insolúveis,dissolvem-se com um dia depois do outro...
Então sonhemos sim,enquanto houver tempo,espaço sem aniquilações,pois a realização destes,nos procura constantemente,interagindo com nossos desejos,seduzindo nossas vontades e se colocando sempre ao nosso dispor...
A vida em si,já é o próprio sonho,quando a sequência de dias,nos permitem novas descobertas,novos conhecimentos ,que vão desde uma profundidade cientificamente se expondo,ou a mais elementar receita, abrangido inúmeros pontos que vão desde, até conhecer pessoas diferentes,ou constatar melhor as diferenças nas pessoas,não importando se  tal constatação venha nos trazer surpresas agradáveis ou desagradáveis...
Se a vida permitiu,faz-se o momento de agraciarmos alguém, ou simplesmente seguirmos em frente,limpos de sentimentos amargos,pois essa chance escreve sempre mais um capítulo da nossa história abrindo novos caminhos,nova porta, para novos sonhos.