Marcadores

terça-feira, 27 de outubro de 2015

O QUE A VIDA NOS PEDE

Somos pessoas felizes,quando cientes,onde a felicidade se oculta  em nossa vida,portanto
estejamos sempre focados,aos eventos que nos realizam, que nos fazem bem,e todos os dias lembrarmos dessas benevolências,que não há como enumerá-las,pois constituem o infinito...
Saber ser feliz
é um dom,uma capacidade, que ultrapassa as fronteiras da essência,redescobre,abre e fecha portas,assim cada um de nós,só desenvolve essa aptidão,movimentando-a,exercitando-a...
A tristeza,os dissabores são inevitáveis,porém a felicidade,é uma certeza embutida, dentro de cada comiseração e do desejo ,de ver sempre o bem vencer,prosperar,em nosso “meio”,Quando nos alegramos com a felicidade de outrem,obviamente,reflete em nós também...
Os pequenos desejos e descobertas, que aos poucos fazem específica junção em nossa vida,são elaboradores de felicidade,quase a tocamos com as mãos,quão proximidade,esta nos permeia...
A felicidade consiste em saber ser amizade,companheirismo,abraçar outrem como o nosso coração,sem jamais deixar de entender os limites,que entendemos como defeitos,perfeito mesmo,somente Deus,aí que mora nossa força para trilharmos o bem,e nos levantarmos de cada tropeço ,e eternamente...
Quando abordamos eternamente,abordamos a nossa passagem aqui neste plano,a vida é eterna enquanto lateja em nossas constituições vitais,e ao que virá depois,levaremos o que a essência acumulou...
A vida pede de nós,o reconhecimento e a gratidão,a limpeza das mágoas”má águas”,que podem nos afogar em um mar de abismos quando não sabemos lidar com os limites...
Portanto,nos redescubramos a cada dia,e nos reinventemos quantas vezes forem possíveis,pois é isso que a vida nos pede...