Marcadores

domingo, 30 de agosto de 2015

TOLERÂNCIA

Entendamo-nos, diferentes uns dos outros, mesmo sendo da mesma comunidade, da mesma família, somos diferentes, e trabalharmos as diferenças está dentro de um único conceito, o conceito do bem...
A contribuição para uma vida melhor, de todos, quase em sua totalidade, requer que flexionemos a tolerância e desenvolvamos uma mentalidade mais aberta, ao fato de que podemos ser democráticos e tolerantes...
A compreensão nos abre caminhos mais harmônicos, dentro dos diferenciais, quando todos pautados em sintonia com o bem estar maior, que amealha a saúde, contribui para a felicidade interna.
Jamais podemos invadir, um espaço de compreensão de outrem, querendo incutir nossa maneira de ser e agir, mesmo sendo os objetivos, os mesmos, embasados no bem, estes podem ser trilhados por caminhos diferentes, porém entendimentos iguais, sem que haja atropelamentos e discussões acaloradas e castradoras.
Todos nascemos limitados e precisados, do amparo ao corpo e á alma, e dentre esse processo de aprendizagem, em tenra idade, vamos formando nosso caráter, nos descobrindo e nos adaptando ao que nos é mostrado...
Mas ao longo da vida, podemos divergir opiniões, dentro de uma mesma família,mantendo o mesmo caráter,a mesma linhagem de aprendizado...
Portanto, podemos exercitar os mesmos trabalhos, seguir os mesmos caminhos, porém dentro do respeito, ao ponto de vista, de cada um...
Apenas, em desvios de condutas, para caminhos perniciosos, aí sim, em se tratando de pessoas sob nossa responsabilidade, devemos fazer nossa parte,de maneira respeitosa, pois quando invadimos um espaço, para tentar mudar uma conduta,sempre se faz necessário muito cuidado com exposições,as convicções, sem imposições...
Impressionante observamos a intolerância, em nível de humanidade, á respeito de tudo, desde costumes, religiões, política, diferenças sociais, culturais, raciais e outrem.
É importante, que desenvolvamos um exercitar a tolerância, pois o ser intolerante, geralmente,verificando ,ou não,a veracidade dos fatos, sai estupidamente expondo, tremenda falta de respeito,a outrem,ignorando os direitos,que todos têm,de pacificamente, exercitar sua cidadania, dentro da maneira de pensar.